Sociedade

Estudantes expõem desenhos técnicos

Mário Cohen

Uma exposição de desenho técnico, representado por 45 obras em papel e cartolina, está patente até Dezembro, na  galeria Hall de Lima Pimentel, na Baixa de Luanda. 

Estudantes da Universidade Privada de Angola expõe na galeria Hall de Lima
Fotografia: Paulino Damião| Edições Novembro

Os trabalhos estão expostos, desde sexta-feira, numa mostra colectiva denominada Beleza Corporal, de um grupo de cinco estudantes da Universidade Privada de Angola (UPRA).
A actividade é uma iniciativa da galeria Hall Lima Pimentel em parceria com o Estúdio Experimental de Arte e Arquitectura (I9Art), com a intenção de criar, produzir e divulgar projectos em que a arte e arquitectura produzida em Angola têm um papel preponderante.
A mostra tem trabalhos de Josemar Gspar, Mário Salvador Isabel Ferrão, Solange da Costa e Divino Rei, todos eles estudantes do primeiro ano do curso de Arquitectura da UPRA.
Para Osvaldo da Fonseca, curador e professor do curso de Desenho, o trabalho colectivo sobre caveiras pretende ser uma proposta de reflexão e diálogo tendo como ponto de partida a produção massiva.
“O que pretendemos com a exposição é procurar saber das investigações feitas o que é que a caveira representa em termos psicológico, político, social, religioso, cultural, espiritual e simbólico nas diversas manifestações culturas”, disse.A caveira representa morte, enquanto que no México representa riqueza.

Tempo

Multimédia