Sociedade

Gala prestigiada por estilistas de renome

Manuela Gomes

Estilistas angolanos e russo deram a ver aos apreciadores da moda e aos coleccionadores da arte de bem vestir as colecções de Verão e de Inverno do momento, na noite de domingo, durante a tradicional gala “Moda Angola 2018”.    

Modelos exibiram trajes diversos para várias ocasiões
Fotografia: João Gomes | Edições Novembro

Pelo palco e em várias ocasiões, os modelos, bem requintados, exibiram trajes diversos, levando o público ao delírio e muitos, provavelmente, terão encomendado as vestes. A gala foi aberta pelo estilista angolano Rui Lopes.     
O estilista esteve rodeado por 20 modelos que exibiram vestuário para várias ocasiões de festa.  Rui Lopes é embaixador da moda angolana na República da Colômbia. Tem nas suas linhas de costura o misto de tecidos africanos, seda e outros.   
O desfile deu lugar a outros estilistas, como Graciano Chivala, Costa Kueya, Manuela Soares, Afonso Cabral e Mimi Kumona que mostraram as suas novas criações.
Das compilações, destaque para roupas apropriadas para ocasiões diversas, entre vestidos para gala, camisas para homens e senhoras, mini-saias, calções, batas e outros trajes. A gala foi, pela primeira vez, prestigiada por um estilista de nacionalidade russa, que presenteou o evento com a sua marca de tshirts, bonés e outras peças.
A melhor estilista do “Moda Angola 2017, Tamara Machai, também não deixou os seus créditos em mãos alheias. Com as suas habituais criações delicadas, ela, mais uma vez, engrandeceu o evento. A noite de passarela foi animada pelo grupo “Conexão Sol” e houve muita mistura de luzes e cores. 


Tempo

Multimédia