Sociedade

Instrutores da Polícia Nacional capacitados em Pedagogia

Mário Clemente/Bengo

Pelo menos 40 instrutores dos órgãos do Ministério do Interior, no Bengo, estão a ser capacitados, desde hoje, em matérias de pedagogia para melhorar a metodologia de ensino, no processo de instrução nos centros de formação de Caxito.

Formação vai durar três dias
Fotografia: Maria João | Edições Novembro

A acção formativa em matérias de pedagogia que decorre de 13 a 15 do mês em curso, é uma parceria entre o Ministério do Interior e o Gabinete Provincial da Educação Ciência e Tecnologia do Bengo, dirigi-se a instrutores da Polícia Nacional, Protecção Civil e Bombeiros, Guarda Fronteira, Serviço de Migração Estrangeiros e Serviços Prisionais.
O vice-governador provincial, António Martins, disse que a iniciativa é louvável, a todos os títulos, visto que é a primeira vez que se implementa a nível da província do Bengo e, que, para as exigências do contexto actual, está bem enquadrada.
“Julgamos que o que se preconiza é que se melhore a metodologia de ensino, que os instrutores têm que adoptar durante o processo de instrução, dai que encorajamos todos a se engajarem com afinco no sentido de se atingir os objectivos preconizados” disse o vice-governador provincial do Bengo.
O delegado do MININT e comandante Provincial da Polícia Nacional do Bengo, Delfim Kalulu Inácio, disse que os formandos devem aproveitar, ao máximo os ensinamentos que vão adquirir no sentido de os transmitir com precisão aos instruendos.
Já o director do Gabinete Provincial da Educação Ciência e Tecnologia, António Quino, afirmou que é uma honra iniciar a acção de formação, pois, vem reforçar a parceria institucional que deve existir entre os órgãos do Estado.
O instrutor de técnica policial do Centro de Formação do Sassa Caria, André Cambeia, disse que a formação pedagógica para um instrutor é muito importante, visto que amplia os conhecimentos para depois transmitir de forma precisa aos formandos.

 

Tempo

Multimédia