Sociedade

ITEL propõe sistema de gestão em escolas

Rodrigues Cambala

O Instituto Médio de Telecomunicações (ITEL), que ontem abriu a X edição da Feira do Inventor e Tecnologia, está a dialogar com o Ministério da Educação para a ex-pansão e utilização, nas escolas públicas, do Sistema de Gestão Escolar, criado pela aludida instituição.

A Feira do ITEl acolhe 35 expositores com várias inovações
Fotografia: M.Machangongo| Edições Novembro

Em declarações à impren-sa, o director do ITEL, André Pedro, disse que os estudantes criaram, igualmente, um contador pré-pago de água, para assegurar o consumo racional do precioso líquido.
 “Tal como se faz com a energia eléctrica, já se pode pagar a quantidade de água que necessitar na sua residência, por via de um carregamento com o cartão”, disse o director do ITEL.
A Casa Inteligente é que recebe mais visitantes na feira, pelo facto de a mesma estar instalada com vários sensores. A abertura das portas e janelas, o funcionamento do ar condicionado, televisor, lâmpadas e descodificador, são feitos  via “smartfone” ou computador.
Por intermédio da voz, é possível ligar e desligar os electrodomésticos. O monitoramento pode ser também feito a partir do estrangeiro. A casa se for assaltada, o seu dono percebe de imediato através das câmaras.
“Somos escolas e realizamos estas feiras para divulgar o trabalho dos estudantes. Aqueles que se interessarem pelos projectos devem contactar a escola, no sentido de se produzir em escala industrial”,  explicou o director.
O ministro das Telecomunicações e Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha, disse, na abertura da feira, que a exposição dos estudantes é uma clara de-monstração dos investimentos feitos aos jovens, por via da formação.

Nova operadora de telefone

Em função de uma publicidade de uma operadora de telefonia, denominada Telestar, que se apresenta como a provável quarta operadora a instalar-se no país, o ministro Carvalho da Rocha não confirmou, mas disse que o processo ainda está em curso.
“Do mesmo modo que anunciamos numa conferência de imprensa, vai ser da mesma forma para  anunciar o vencedor do concurso”, garantiu.
Carvalho da Rocha disse  que o processo decorre, pois os termos de referência do concurso impõem uma série de períodos e, “agora, estamos num período de avaliação final das propostas”.

Tempo

Multimédia