Sociedade

Jovem encontrada morta junto ao posto de Polícia

Maiomona Artur | Cacuaco

Adelina Luciana, 31 anos, foi violada e espancada até à morte no bairro Alto da Vidrul, município de Cacuaco, província de Luanda, por indivíduos não identificados.

Fotografia: Dr

Segundo uma amiga da malograda, que pediu o anonimato, às 6h00 da manhã da passada segunda-feira, deparou-se na rua com o corpo da malograda, deitada no chão com sinais de espancamento e abuso sexual.
Explica que o incidente ocorreu na rua principal, a 100 metros do posto Policial da zona, referindo que a vítima, na noite do dia anterior, esteve a conviver com outras amigas numa esplanada, pelo que se supõe que terá sido molestada pelos meliantes depois de se despedir das companheiras no regresso a casa.
Figura estimada no bairro, Adelina Luciano deixa dois filhos e a sua morte deixou consternados muitos moradores, como o coordenador do bairro Alto da Vidrul, António Fernando, que considerou tratar-se de um acto bárbaro.
“Depois de tomarmos conhecimento da morte da jovem nos dirigimos até ao local onde se encontrava o corpo. Nesta altura, a Polícia já tinha criado o seu cordão de protecção do cadáver até ao momento em que foi removido para a morgue”, contou.
O responsável do bairro apelou às forças da ordem a fazerem um trabalho intenso para deter e responsabilizar criminalmente os implicados nesta acção.
Para o coordenador, no bairro Alto da Vidrul os assaltos ocorrem com frequência no período da noite.

Tempo

Multimédia