Sociedade

Liga daVelha Guarda de Malanje fez 30 anos

Edivaldo Cristóvão

A celebração dos 30 anos da Liga da Velha Guarda de Malanje (Livegum), foi marcada pela realização de uma excursão de automóveis e motorizadas àquela província, que culminou com visitas a várias localidades onde habitam pessoas mais desfavorecidas, bem como hospitais e lares de acolhimento.

O porta-voz da Liga, Carlos Branco, disse ao Jornal de Angola, que as actividades começaram no dia 11 de Setembro, com uma missa na Sé Catedral de Malanje e depois a deposição de coroa de flores no cemitério municipal, em homenagem aos antigos membros ali sepultados. Durante os cinco dias, a Livegum reuniu mais de dez toneladas de bens de primeira necessidade, vestuário, medicamentos e a oferta de uma ambulância à Pediatria de Malanje. A gala de homenagem contou com a presença de 300 pessoas e foram homenageadas, Rosa Roque, Joaquim David e o cantor Mito Gaspar, que muito têm dado o seu contributo para realização das actividades daquela agremiação de solidariedade. A Livegum fez doação de produtos a alguns lares de crianças, no centro Mamã Muxima e lar de idosos. A actividade no sábado, foi marcada pela realização de uma corrida de motocross e uma competição de motos de quatro rodas.  A Liga da Velha Guarda de Malanje é uma organização sem fins lucrativos, fundada a 11 de Setembro de 1989 e cuja actuação se circunscreve às areas social, cultural, recreativa e desportiva.

Tempo

Multimédia