Sociedade

Morre segunda vítima do incêndio dos Mulenvos

Um dos quatro pacientes que se encontram internados desde a semana passada no Hospital dos Queimados, no Neves Bendinha, em consequência do incêndio numa residência no bairro dos Mulenvos de Cima, no município de Viana, em Luanda, acabou por morrer no domingo.

O director clínico da unidade hospitalar, Álvaro Pedro, disse ontem que uma das crianças, uma menina de sete anos de idade, não resistiu às queimaduras.
De acordo com o médico, continuam internadas duas mulheres e uma criança que evoluem satisfatoriamente.
Das oito vítimas do incêndio, morreram duas crianças, três pessoas continuam internadas e as restantes três já obtiveram alta. As duas vítimas mortais, de dois e sete anos de idade, são filhos do homem que ateou fogo à casa.

Tempo

Multimédia