Sociedade

Município regista aumento de partos nos hospitais

Maiomona Artur | Cacuaco

Um total de 6.156 partos foram realizados nas unidades sanitárias do município de Cacuaco, província de Luanda, durante o primeiro semestre deste ano, contra 2.727 em relação ao mesmo período de 2018, informou, ontem, a responsável da área de Saúde Sexual e Reprodutiva.

Fotografia: Dr

Suzana Alberto disse ao Jornal de Angola que o au-mento deve-se ao facto das parturientes terem noção de que realizar o parto nos hospitais é mais seguro, em de-trimento do domicílio, fruto das palestras realizadas pelas autoridades sanitárias.

Sem revelar o número de mortes materna e nados, Suzana Alberto argumentou que as causas das motes estão relacionadas com malária, placenta prévia, choque hemorrágico, rotura uterina, associada com choque hipovolémico puerpério imediato, aborto séptico, associado à anemia severa.
No período em referência, 37.601 mulheres grávidas compareceram nas consultas pré-natal e, desse número, 15.200 procuraram os serviços de saúde pela primeira vez, enquanto 22.401 outras realizaram consul-tas de retorno, disse Suzana Alberto.

Tempo

Multimédia