Sociedade

Organização repudia notícia da televisão portuguesa SIC

A Rede Contra o Abuso e Tráfico de Menores (RCTAM) repudiou a falta de ética e deontologia profissional da televisão portuguesa SIC, por veicular uma notícia falsa sobre alegadas crianças doentes e famintas, num suposto centro de acolhimento no bairro Baixa de Kassanje, em Viana, província de Luanda.

Vista parcial do município de Viana (Luanda), onde supostamente está localizado o centro de acolhimento com crianças em situação de subnutrição extrema
Fotografia: DR

Em comunicado, a organização sublinha que visitou, na quinta-feira, 30 de Julho, o referido bairro, mas não constatou a presença de um centro com crianças em situação de subnutrição extrema. Moradores informaram à RCTAM que aquelas crianças, apresentadas na reportagem, e o centro de acolhimento não fazem parte da circunscrição.

Não obstante reconhecer a existência de pobreza, falta de água e emprego no seio da comunidade, a organização constatou que as crianças do bairro cumprem o confinamento em casa, por conta da Covid-19 e da paralisação das aulas.  A RCTAM foi criada há duas semanas.

Tempo

Multimédia