Sociedade

País cerece de material para energia pré-paga

Os cortes de energia eléctrica em Luanda vão continuar até ao final deste ano devido a saturação e sobrecargas em algumas subestações. A informação foi avançada pelo director da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE), Sérgio Dindanga.

Fotografia: EDIÇÕES NOVEMBRO

O director da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE), Sérgio Dindanga salientou que a expansão dos contadores pré-pagos em Luanda continuam em curso, nesta momento, a prioridade é a zona do Camama. O atraso da montagem em algumas zonas é pela falta de produção dos equipamentos no país, mas a ENDE está fazer investimentos para que até cinco anos todos os clientes possam beneficiar de um sistema de contagem pré-pago.

Tempo

Multimédia