Sociedade

Promotor anuncia venda da UNIA

Miguel Gomes

O proprietário da Universidade Independente de Angola (UNIA), António Burity da Silva, anunciou ontem, em comunicado, que a instituição de ensino superior está à venda.

Fotografia: DR


“Como proprietário único da UNIA, decido o futuro do meu projecto de vida e decidi colocar à venda este património, pois com a idade que tenho não me sinto em condições de viver os sobressaltos actuais que os empresários angolanos têm sido obrigados a viver diariamente”, disse António Burity da Silva.

Filipe Zau, actual reitor da instituição, confirmou ao Jornal de Angola o teor do comunicado mas frisou que a decisão não tem, por enquanto, consequências ao nível da gestão académica.
“É uma questão para ser resolvida pela entidade promotora”, lembrou o reitor, que lamenta a falta de alternativas para recolocar em marcha o ano lectivo de 2020, seriamente afectado pela pandemia da Covid-19.

A alienação surge depois de alguns rumores que indicavam a possibilidade da UNIA ser incluída no processo de recuperação de activos liderado pela Procuradoria Geral da República. As alegações são desmentidas por António Burity da Silva.

Tempo

Multimédia