Sociedade

Recuperado material para emissão do BI

César Esteves

Três dos quatro computadores para emissão do Bilhete de Identidade e Registo Criminal, que haviam sido roubados na Repartição de Identificação Civil e Criminal do município dos Bundas, na província do Moxico, foram recuperados pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC).

Emissão do documento está dependente de outros equipamentos
Fotografia: Agostinho Narcíso | Edições Novembro

A informação foi avançada hoje ao Jornal de Angola pelo Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos, que lembrou que os implicados na acção criminosa já se encontram a contas com a justiça.
O delegado da Justiça em exercício na província do Moxico, Evaristo Benjamim, disse que os computadores estão, neste momento, retidos para que sirvam de meios de prova, mas, a qualquer altura, poderão ser devolvidos à Repartição de Identificação Civil e Criminal.
O roubo desses equipamentos informáticos está a dificultar a emissão de Bilhete de Identidade e de registo criminal a nível da circunscrição.
Os meliantes assaltaram a Repartição de Identificação Civil e Criminal na semana passada e levaram todo o equipamento informático, usado naquela instituição, para a emissão de Bilhete de Identidade e do registo criminal.
Atendendo a situação, técnicos do Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos deslocaram-se a província do Moxico no sentido de instalarem um novo aplicativo de emissão do Bilhete de Identidade.
De acordo com o Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos, a recuperação dos computadores não anula a instalação do novo equipamento informático, previsto para o dia 18 deste mês.
Deste modo, o organismo da Justiça solicita a intervenção da delegação do Ministério do Interior e dos administradores municipais, no sentido de reforçarem a segurança dos serviços, de modo a evitar situações futuras do género.

Tempo

Multimédia