Sociedade

Carnes em situação ilegal são comercializadas em talhos clandestinos

Os talhos, improvisados em lugares sem o mínimo de condições, está a ganhar corpo em Luanda, a cada dia que passa. Liderada por cidadãos oriundos de países da região oeste-africana.

As carnes comercializadas,  além de serem conservadas em lugares impróprios e sem a temperatura desejável,  são penduradas em ganchos de ferro enferrujados. Para afugentar as moscas que penetram no recinto para chupar o sangue derramado pelas carnes, os comerciantes colocam ventoinhas  ao lado dos alimentos.

Tempo

Multimédia