Sociedade

Secretário de Estado recomenda pesquisa

Edivaldo Cristóvão

O secretário de Estado da Comunicação Social, Celso Malavoloneke, encorajou, ontem, em Luanda, os responsáveis dos gabinetes de comunicação institucional e imprensa dos vários departamentos ministeriais a apostarem na pesquisa para o desenvolvimento das actividades.

Directores de gabinetes de comunicação estão em formação
Fotografia: Dr

Falando na abertura da segunda formação nacional em “Liderança e Gestão de Comunicação para Mudança de Comportamento”, promovido pelo Ministério da Comunicação Social, em parceria com o UNICEF, o dirigente considerou fraco o sistema de informação das instituições públicas.
Celso Malavoloneke realçou que se precisa de mais investimentos, razão pela qual a segunda etapa deste curso tem como objectivo fornecer ferramentas para os técnicos executarem acções de liderança, para a mudança de comportamento a nível dos profissionais do sector de comunicação.
O curso conta com a participação de 45 directores, dos quais oito são dos gabinetes de comunicação institucional e imprensa a nível nacional.
A primeira formação na-cional em “Liderança e Gestão de Comunicação para Mudança de Comportamento”, realizada em 2018, contou com a participação de 54 funcionários de instituições centrais e provinciais, incluindo 31 directores dos Gabinetes de Comunicação Institucional e Imprensa (GCII) de vários ministérios, bem como dos gabinetes do Presidente da República e da Primeira-Dama.
A formação faz parte de um plano de trabalho para o período 2018-2019, acordado entre a secção de Co-municação para o Desenvol-
vimento do UNICEF Angola e o Ministério da Comunicação Social.
O plano prevê a realização de formações para fortalecer a capacidade de profissionais de comunicação em termos de planificação, implementação, monitoria e avaliação de acções para promoção de mudanças positivas de comportamento.
Durante os quatro dias de trabalho serão entregues módulos pedagógicos integrantes e concebidos de ma-neira a facilitar a aprendiza-
gem por diversos meios, privilegiando a alternância en-tre sessões plenárias e exer-
cícios práticos.

Tempo

Multimédia