Sociedade

Verbas para restaurar a Comunicação Social

Silvino Fortunato | Uíge

O Governo Provincial do Uíge propôs para validação pelo Ministério das Finanças um orçamento avaliado em 1.310.626.266,00 kwanzas, para a construção de edifícios, aquisição de equipamentos e pagamentos de outros serviços para as empresas públicas da comunicação social.

Governo do Uíge vai investir na Comunicação Social local
Fotografia: Felipe Botelho | Edições Novembro

A programação financeira do Governo do Uíge contempla ainda a formação de jornalistas, capacitação em tecnologia de informação, criação do jornal "Ecos do Uíge", revista generalista e o Prémio Provincial de Jornalismo.

O orçamento, constante no plano das acções dos gabinetes provinciais, a que o Jornal de Angola teve acesso, ontem, tinha sido aprovado em 2019, para suportar as diferentes despesas de responsabilidade provincial no ano económico de 2020.

Entre as nove acções previstas para o Gabinete da Comunicação Social constam 485.346.266 kwanzas destinados à construção do Centro de Produção da TPA e de 125.430.000,00 para a edificação e apetrechamento do edifício da Edições Novembro, tipificado no documento como Jornal de Angola.

A construção de um novo edifício para a delegação da Angop está orçado em 25.000.000,00 kwanzas, para a Emissora Provincial da Rádio Nacional de Angola 50.000.000,00 kwanzas. Para as rádios Sanza, Maquela, Cangola e Ambuíla estão orçados 25.000.000,00 kwanzas.

O plano prevê ainda a montagem de emissores de um quilowatts nos municípios de Maquela do Zombo, Kangola, Ambuila e Sanza Pombo, avaliados em 25.000.000,00 kwanzas, enquanto os custos para a formação de jornalistas ou técnicos em todos os municípios estão calculados em 128.000.000,00 kwanzas.
O Governo Provincial deve aplicar 98.000.000,00 kwanzas para o Prémio Provincial de Jornalismo, 55.000.000,00 kwanzas para a criação do Jornal Ecos do Uíge, 12.500.00,00 kwanzas para a revista generalista local, bem como 3.350.000,00 kwanzas para a realização de uma palestra e para a comemoração do Dia Internacional do Jornalista. Recorde-se que os planos das acções dos governos provinciais, geralmente, são encaminhados para o governo central para efeito de validação.

Tempo

Multimédia